Líder muçulmano se converte a Jesus após tentar matar o irmão cristão por três vezes | Notícias Gospel

0
4
Líder muçulmano se converte a Jesus após tentar matar o irmão cristão por três vezes
Líder muçulmano se converte a Jesus após tentar matar o irmão cristão por três vezes
PROPAGANDA

Os cristãos que vivem nos países de maioria muçulmana, como na Arábia Saudita, enfrentam muitos desafios, mas é possível dizer que eles são ainda maiores quando se tratam de ex-muçulmanos convertidos a Jesus Cristo, uma vez que a perseguição religiosa é ainda maior nesses casos.

PROPAGANDA

Os muçulmanos que decidem abandonar os erros do islã para adotar a verdade libertadora do Evangelho de Jesus Cristo podem ser punidos com a pena de morte em vários países, segundo informações de um missionário da Missão Nova.

“No Egito, a polícia fornecerá um atestado de óbito dizendo que a causa da morte era natural. Um policial pede para apresentar a cabeça do cristão em uma sacola e isso é suficiente”, disse o homem identificado apenas como George por motivos de segurança.

“Eles podem perder todos os seus bens. Na Arábia Saudita, eles oficialmente perdem seus direitos civis. Eles não existem no planeta. Eles perdem seus registros para que o governo possa fazer qualquer coisa. É assim que eles perdem”, explica George, segundo o God Reports.

PROPAGANDA

Um exemplo bastante contundente citado pelo missionário foi o de um muçulmano que se converteu a Cristo, mas precisou lidar com o irmão que era um xeique. Sem saber que havia sido jurado de morte, ele foi passar algumas noites da casa do parente.

PROPAGANDA

O xeique planejou matar o irmão com uma adaga escondida embaixo do seu travesseiro, mas na primeira noite, quando o irmão adormeceu, a lâmina simplesmente desapareceu e só ressurgiu pela manhã.

Mesmo intrigado com o fato, o xeique resolveu continuar com o seu plano. No dia seguinte ele colocou a faca presa em sua cintura, mas quando a pegou na madrugada para matar o irmão cristão, a arma ficou presa em suas mãos, como se estivesse colada, o que lhe deixou perplexo.

“Ele tentou abrir a mão para remover a adaga e ela não se mexia. Ele teve que dormir a noite toda em uma cadeira com a mão presa. De manhã, depois que acordaram, sua mão se soltou”, disse o missionário.

PROPAGANDA

No outro dia o líder islâmico contou tudo o que aconteceu para seus companheiros muçulmanos, pedindo ajuda. Eles se uniram na intenção de matar o cristão, mas ao chegar a noite o seguidor de Cristo também desapareceu da cama e só reapareceu a quilômetros de distância em uma calçada.

PROPAGANDA

A sequência de fatos miraculosos serviu de sinal para o líder islâmico também se entregar a Cristo. Agora ele e seu irmão estão sob ameaça de morte, mas a fé de ambos se fortalece a cada dia, porque agora eles enxergam a verdade que antes lhes parecia obscura.

“Um deus está perseguindo pessoas com uma espada e um Deus ama as pessoas. Um deus quer matar pessoas, mas nosso Deus morreu pelas pessoas”, concluiu o ex-muçulmano.

Conteúdo Bloqueado

Ajude-nos a crescer! Compartilhe esta matéria com seus amigos no Facebook clicando no botão abaixo para desbloquear o conteúdo automaticamente. Compartilhar é grátis!

Clicando no botões você concorda com os termos de uso e política de privacidade