- PUBLICIDADE -
Notícias Distrito Federal Detran autua 42 condutores alcoolizados – Agência Brasília

Detran autua 42 condutores alcoolizados – Agência Brasília

-

Ao todo, foram abordados 192 veículos e 13 deles foram removidos ao depósito por irregularidades segundo o Código de Trânsito Brasileiro  | Foto: Divulgação Detran/DF

Na noite dessa quarta-feira, 21 de abril, feriado em razão do aniversário de Brasília e Tiradentes, 42 condutores foram flagrados pelas equipes de fiscalização do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF), conduzindo veículos sob a influência de álcool. Outros seis condutores não possuíam habilitação para dirigir.

Os agentes do Detran autuaram também oito motociclistas por conduzir veículos com escapamento adulterado. As ações foram no Paranoá, Águas Claras e Núcleo Bandeirante.

Ao todo, foram abordados 192 veículos e 13 deles foram removidos ao depósito por irregularidades segundo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Nas operações Toque de Recolher, feitas entre as 22h e as 5h, os condutores são orientados a se dirigirem a suas casas ou ao trabalho, quando for o caso. Mas, caso seja observada alguma irregularidade de trânsito, os infratores são autuados.

Destaque

Durante a fiscalização realizada em uma região de bares no Setor Sudoeste, na noite dessa quarta-feira (21), em conjunto com a Polícia Militar e o DF Legal, os agentes de trânsito do Detran multaram 35 condutores por alcoolemia ao volante conforme previsto no artigo 165 do CTB.

Cerca de oito motoristas tentaram fugir da blitz. De acordo com o diretor de Policiamento e Fiscalização de Trânsito do Detran-DF, Lúcio Lahm, o local já faz parte do mapeamento da fiscalização, pois constantemente há registros de aglomerações e desrespeito à legislação de trânsito. “O nosso objetivo é coibir a alcoolemia ao volante, de forma a impedir que coloquem em risco a segurança no trânsito, causando acidentes”, explica Lúcio.

* Com informações do Detran-DF

Fonte: Agência Brasília

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -

Continue LendoRELACIONADAS
Recomendado para você